Mostrar registro simples

dc.contributor.author Ismério, Clarisse
dc.contributor.author Boelter, Cleuza Maria Roveda
dc.date.accessioned 2017-05-19T15:53:37Z
dc.date.available 2017-05-19T15:53:37Z
dc.date.issued 2010
dc.identifier.citation ISMÉRIO, Clarisse; BOELTER, Cleuza Maria Roveda. Novos olhares sobre a infância: a valorização da criança e o desenvolvimento da pediatria. Historiae, Rio Grande, v.1, n.3, p. 59-76, 2010. Disponível em: < https://www.seer.furg.br/hist/article/view/2377/1265 > Acesso em: 22 nov. 2016. pt_BR
dc.identifier.issn 1519-8502
dc.identifier.uri http://repositorio.furg.br/handle/1/7173
dc.description.abstract O presente artigo tem como proposta destacar o papel da criança na história e quando passou a ser "vista" como é hoje, como um ser único que necessita de cuidados específicos. Fontes históricas que permitiram traçar a questão da criança no Brasil e Rio Grande do Sul salientam a taxa de mortalidade, as principais doenças às quais estavam expostas as crianças abandonadas, a postura dos médicos frente à infância e os discursos de conscientização das mães para cuidar da higiene e alimentar adequadamente os filhos. Através da política sanitarista a criança passou a ser objeto do desenvolvimento e da prática médica, resultando em uma nova área de especialização – a pediatria, bem como todo um o corpo teórico respectivo. A passagem da criança de uma posição inferior para um lugar de destaque na sociedade do mundo contemporâneo foi resultante do saber científico, que viu nos pequenos a possibilidade de melhorias significativas para a saúde do adulto do futuro. pt_BR
dc.description.abstract This study is aimed at highlighting the role of children in the history and when they gained the current status as a unique being that needs particular care. Historical sources permitted to outline the issue of children in Brazil and Rio Grande do Sul. Data found pointed to the mortality rate, the main diseases to which abandoned children were exposed, the physicians’ attitude before childhood, and the speeches of consciousness for the mothers in order to take care of the hygiene and the proper feeding of their children. Through sanitarian politics the children became an object of medical development and practice, resulting in a new specialization area, pediatrics, and a whole respective theoretical body. The shift of children from an inferior position to a place of prominence in the current society resulted from the scientific knowledge, which saw the possibility of an expressive improvement to the future adults’ health. pt_BR
dc.language.iso por pt_BR
dc.rights open access pt_BR
dc.subject Criança pt_BR
dc.subject Medicina pt_BR
dc.subject Política sanitarista pt_BR
dc.subject Higienistas pt_BR
dc.subject Child pt_BR
dc.subject Medicine pt_BR
dc.subject Sanitarian politics pt_BR
dc.subject Hygienists pt_BR
dc.title Novos olhares sobre a infância: a valorização da criança e o desenvolvimento da pediatria pt_BR
dc.type article pt_BR


Arquivos deste item

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Mostrar registro simples

Buscar DSpace


Navegar

Minha conta

Estatística